terça-feira, 18 de agosto de 2015

ERA UMA VEZ UMA PRINCESA

Tanya, uma bela e exótica jovem trabalha como uma escrava em uma taberna no Mississipi.
Não conhece sua origem, desde bebê ficou com um casal, os quais pensava serem seus pais, até que a mulher antes de morrer contou que ela não sabia quem era sua mãe e que está morrera de febre sem esclarecer até mesmo o seu nome.
Um estrangeiro chega e alega que ela é uma princesa de uma região da Europa Oriental, um local distante – Cardinia – e que ele e seus acompanhantes a levariam de volta. Ela não acredita. Então, eles a sequestram. Ela tenta retornar ao Mississipi, acha que é americana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário